Aventuras Maternas

Desbravando a Europa

captura-de-tela-2014-09-08-11-41-21A primeira viagem internacional com criança pequena causa arrepio até mesmo em pais acostumados a aventuras mundo a fora. E não foi diferente comigo. Theo tinha 2 anos e 3 meses e decidimos fazer uma viagem de quase 1 mês por 5 países, em velocidade para dar inveja a mochileiros experientes. Afinal, visitamos várias cidades, alugamos carro, cruzamos a Europa de trem e conhecíamos apenas dois dos países que visitaríamos.

Mas sempre fomos apaixonados por viagens e estávamos ansiosos para retomar nossas aventuras por aí, desbravando paisagens e muita história, com o nosso príncipe. O que fizemos, então? Roteiro, pesquisa e muita, mas muita contação de histórias fizeram da viagem uma experiência muito divertida e para lembrar para o resto da vida.

Enfim, vou dividir a viagem em vários depoimentos para contar com calma o que fizemos em cada lugar, quais as opções mais interessantes para os pequenos e de que forma conseguimos tornar a viagem leve e divertida para o nosso personagem principal.

Como boa descendente de portugueses, sempre digo que não tem maneira melhor de chegar a Europa do que por Portugal. Primeiro, porque é o país de entrada do continente, tem o clima super agradável para adaptar os pequenos, nem muito seco, nem muito úmido, nem muito quente, nem muito frio (quer dizer, sem alergias de boas vindas). Depois, porque a comida é super variada como a nossa, o idioma é o mesmo e os costumes são parecidos.

Nas farmácias e nos supermercados de Portugal é possível encontrar os mesmos produtos dos outros países da Europa, mas não existe dificuldade de comunicação. Então fica fácil ficar a par de tudo que pode ser útil na viagem. Além disso, é o lugar onde se encontra o pacote de fralda mais barato da Europa! Só para ter uma ideia, comprei um pacote similar a Huggies Up & Go, por 6 euros, enquanto em Paris comprei o mesmo pacote por 19 euros. Quer dizer, vale abastecer a mala com fraldas logo na entrada mesmo. Pomadas e protetor solar também valem mais a pena por ali.

Para as mães que querem dicas completinhas sobre o que fazer com os pequenos nos mais variados destinos, mesmo quando parece que não existe nada para eles por ali, vem conosco, pois sempre vamos buscar alguma solução.

Sobre o autor Ver todos os posts

Priscila Correia

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *