Aventuras Maternas

Mãe empreendedora cria ônibus com estações de brincar

A inspiração começa mais ou menos do mesmo jeito: a mãe olha para seu filho pequeno e é abençoada por uma série de inspirações que nunca imaginou ter. As ideias começam a fluir e a desconstruir o mundo que ela conhecia antes do nascimento de seus pequenos. Umas demoram mais, outras menos, mas o fato é que a maternidade muda paradigmas e traz descobertas incríveis que podem contribuir para a rotina de outras mães também.

FestaMaria_04anos-005 - CopiaA empreendedora Renata Martins tem duas filhas, uma de 17 anos e uma de 4, é pedagoga e sempre trabalhou com crianças. Já teve até uma brinquedoteca na periferia de São Paulo, que na época foi um projeto inovador, pois ainda não haviam espaços de brincar fora das escolinhas ou creches. Mas foi quando ficou grávida da segunda segunda filha, que um novo caminho começou a surgir novamente. Primeiro, ela resolveu parar tudo e curtir a gravidez e seu crescimento bem de pertinho e com bastante calma. Quando a menina completou 2  anos, Renata, como inúmeras mães contemporâneas, começou a pensar em algum trabalho que pudesse dar uma autonomia para se manter por perto.

“Não consegui fugir da idéia  de trabalhar com crianças que é minha grande paixão e pensei em projetar algum mobiliário infantil para alugar para festas de crianças, cheguei a começar a construção em parceria com o meu marido, mas a logística me desanimou um pouco porque a ideia era trabalhar sozinha e os móveis ficaram pesados, até que pensei em comprar um carrinho de cargas, que não caberia no meu carro. E foi por meio destes testes que veio a conclusão: a ideia de fazer a Casinha de Rodas, onde eu já teria tudo montado e só precisaria dirigir!”, conta Renata. Ela comprou o ônibus, tirou a carteira, projetou e montou cada detalhe do primeiro projeto brincante sobre rodas do Brasil.

O veículo ficou pronto em fevereiro de 2016, e Renata já se inscreveu em várias leis de incentivo, prefeitura, governo, e aguarda retorno, para colocar em prática sua ideia de rodar o Brasil, levando o ônibus para comunidades carentes e distantes.

Enquanto não realiza este sonho, a Casinha de Rodas é contratada para eventos particulares em São Paulo, desde festinhas de aniversário, por períodos de 4 ou 8 horas, até Food Parks, onde geralmente cobra por criança. “O pai vai tomar uma cervejinha e paga 10 reais pra criança brincar 20 minutos”, explica.

E naqueles dias em que Renata não tem evento, ela marca um encontro com mães pelo Facebook. Escolhe uma praça frequentada por crianças e estaciona esperando os pequenos chegarem para se divertir.

O ônibus comporta em média 10 crianças por vez e a brincadeira é pensada para pequenos de até 10 anos e a partir de uma fase que consigam ficar bem, sem os pais, neste período, o que é bem variável. O fato é que, quando meninos e meninas entram no espaço itinerante, é certo que vão encontrar alguma brincadeira ideal para seu perfil. Afinal, lá dentro existem inúmeras estações de brincadeiras como parede de Lego, mini-ônibus com 5 lugares, busy board, cozinha, quitandinha, camarim,cantinho com instrumentos musicais,quartinho de bonecas e muitos jogos de madeira e brinquedos educativos. Difícil deve ser fazer o rodízio quando o prazo de 20 minutos por grupo termina.

FestaMaria_04anos-021 FestaMaria_04anos-017

Para quem não está em São Paulo, resta torcer para que Renata atravesse a Dutra e vá visitar outras capitais. No Rio, com certeza, esse ônibus também fará muito sucesso entre as crianças e as mamães que sabem o valor de uma boa brincadeira.

Sobre o autor Ver todos os posts

Priscila Correia

1 ComentárioDeixe seu comentário

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *