Aventuras Maternas

Dia dos filhos

Criado para ajudar a fortalecer os laços filiais que ligam pais e filhos, o Dia dos Filhos, comemorado em 23 de setembro, é uma ótima desculpa (além de ponta pé inicial) para interagir mais com as crianças, e conhecer um pouco mais sobre elas.

A autora Camila Piva, designer e especialista em autoconhecimento, escreveu o livro “Viva este livro”, como uma forma do leitor não apenas se conhecer melhor, mas também como uma chave para que tivesse experiências interessantes marcadas em suas páginas. Algumas delas podem ser realizadas em conjunto, inclusive com crianças!

Mais do que momentos de criatividade, este livro propõe uma grande aventura: uma viagem rumo ao seu próprio eu. Ao realizar as ações, será possível conhecer mais sobre si, compartilhar emoções e sentimentos e encontrar a felicidade em pequenas coisas. Além de garantirem momentos lúdicos, as ações propostas aguçam a experimentação libertária do leitor.

Veja abaixo exemplos de atividades gostosas e criativas para celebrar o Dia dos Filhos com muita aproximação e diversão:

Escreva uma história: na obra “Viva este livro”, há a indicação de produzir uma breve história que poderia ser contada a uma criança. Ora, então nada melhor que botar a ideia fresquinha em prática! Como nos velhos tempos, crie uma história que seja incrível (nem que seja pelos olhos de uma criança)!

Cultive uma flor: a jardinagem é uma habilidade que não é muito complicada. Crianças amam mexer com a terra e em tempos de internet e cidades de concreto, atividades que incentivem tal ação são escassas. Que tal plantar uma flor desde a semente? As crianças vão sentir que estão criando algo e em contato com a natureza. Para iniciantes, margaridas e girassóis são os indicados, pois são fáceis de cuidar.

Escreva uma carta: correspondência é coisa do passado? Se for, uma coisa é certa: é muito mais charmoso receber uma carta que um e-mail ou mensagem. As crianças podem produzir a mensagem no papel, seja escrita ou em desenho, e então fechar o envelope para que ninguém além do correspondente veja. Depois, claro, é só encaminhar uma resposta e também enviar esse correio elegante.

Informações: Assessoria de Imprensa

Sobre o autor Ver todos os posts

Priscila Correia

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *