Aventuras Maternas

Marca infantil lança coleção inspirada no trabalho de 4 Ongs brasileiras

greenO Bem faz Bem. Esse é o manifesto lançado hoje pela marca de moda infantil Green by Missako, que tem a intenção de divulgar o trabalho inspirador das ONGs Vaga Lume, Flor Gentil e Cidades sem Fome, situadas em São Paulo e a Noronha Eu Amo Eu Cuido, de Fernando de Noronha.

“Cuidar daquilo que amamos, dar carinho e amor a quem precisa e trocar experiências para conhecer melhor onde vivemos”. Com essa mensagem, as peças que marcam a chegada da nova estação foram divididas em quatro coleções capsula, que remetem ao universo de cada ONG. De forma lúdica, a Green conta por meio de roupas e estampas as histórias inspiradoras de pessoas que através de pequenos gestos fazem a diferença.

A Vaga Lume desenvolve projetos de educação e cultura em 149 comunidades rurais de 23 municípios da Amazônia Legal brasileira. A ONG acredita que a literatura pode transformar a realidade das pessoas e atua criando bibliotecas comunitárias, capacitando mediadores de leitura, incentivando a gestão comunitária e valorizando a cultura local.  Levando em consideração o trabalho realizado pela organização na Amazônia e a importância das histórias para o desenvolvimento das crianças, a coleção traz estampas com três itens principais: formiga, elefante e história. O tom mais lúdico das peças ficou por conta da reinterpretação de um famoso poema: “Elefantinho quando nasce se esparrama pelo chão. Formiguinha quando acorda, põe a mão no coração”, que terá o papel de incentivar crianças e adultos a se aventurarem no mundo da leitura, por meio da moda.

A Cidades sem Fome transforma terrenos abandonados em hortas urbanas na cidade de São Paulo, atuando principalmente nas periferias e escolas públicas, capacitando pessoas para que elas possam cultivar e vender hortaliças orgânicas e criar acesso às verduras frescas nas comunidades, portanto gerando renda e, principalmente, alimentação saudável. Para esta coleção, a Green entrou no universo das hortas no contexto urbano e criou estampas fofas e multicoloridas.

O Instituto Flor Gentil foi fundado pela florista Helena Lunardelli com o intuito de aproveitar as flores que seriam descartadas após a realização de grandes eventos para levar carinho e mais respeito a idosos, instituições assistenciais e pessoas de baixa renda. As flores que seriam jogadas no lixo passam por uma triagem e se tornam novos arranjos que são distribuídos em casas de repouso e instituições cadastradas na ONG. Todo o trabalho é feito por voluntariado e conta com 2.527 pessoas e já foram distribuídos mais de 65 mil arranjos desde o início do projeto, que iniciou em 2010. Para a coleção, a Green não podia deixar de se inspirar no universo das flores, da felicidade e do espírito livre da natureza, trazendo estampas florais e mistura lúdica de cores e formas.

A Noronha Eu Amo Eu Cuido zela pelas maravilhas naturais de Fernando de Noronha, educando moradores e visitantes do arquipélago, praticando ações de sustentabilidade, apoiando o desenvolvimento da cultura local, promovendo a responsabilidade socioambiental e estimulando a consciência de preservação da fauna e flora. Inspirada nas riquezas do arquipélago, a Green criou uma linha com modelagens mais soltinhas, despojadas e estampas que remetem os seres do fundo do mar.

Confiram algumas peças da coleção!

Captura de Tela 2016-07-22 às 18.19.54GreenCaptura de Tela 2016-07-22 às 19.54.07Captura de Tela 2016-07-22 às 19.54.17Captura de Tela 2016-07-22 às 19.54.34Captura de Tela 2016-07-22 às 19.54.48



 

Sobre o autor Ver todos os posts

Priscila Correia

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *